Menu

Berlim

Flavia Pires
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Montei um roteirinho básico dos pontos mais importantes a serem visitados em Berlim, essa cidade cosmopolita e cheia de história pra contar:

*BOROS BUNKER Um antigo bunker da Segunda guerra transformado em uma coleção privada de arte contemporânea, muito legal, vale muito conhecer . Reservas com antecedência e com hora marcada. www.sammlung-boros.de Já fiz uma matéria aqui só dele.Berlin_01

*ORANIENBURGERSTRASSE esta rua tem mais de 40 barzinhos e restaurantes, sempre lotados das mais variadas tribos. O início dela é ocupados por lojas bacanudas de grifes.Berlin_50

*TACHELES Fica no outro extremo, quase na esquina da Friedrichstrasse, tem um velho centro comercial do começo do século XX, cujas ruínas foram ocupadas por quase 50 artistas em 1990. Hoje, recém renovado, abriga exposições de arte, musica ao vivo, performances, peças de Teatro, com cerca de 20 ateliês, oficinas, cinemas e cafés.Berlin_54Berlin_52Berlin_53

*Conhecer a antiga Berlim Ocidental: Na região em torno da avenida Kurfustendamm, há dezenas de cafés, lojas de departamentos, butiques e restaurantes que ainda mantém um certo glamour de outros tempos. O Grande destaque é a igreja KAISER-WILHEM-GEDACHTNISKIRCHE, uma igreja que permanece parcialmente destruída para que não se esqueçam os horrores da Segunda Guerra. Mas não perca muito tempo, os melhores lugares estão do outro lado!Berlin_55

*MITTE é o bairro mais desolado de Berlim, uma espécie de Soho local, com mil lojinhas, restaurantes transados, galerias e ótimos hotéis boutiques.

Berlin_12Berlin_40

*Passear de ônibus, principalmente se estiver no inverno é uma ótima pedida. Pegando o numero 100 e pagando bilhete normal, vc faz um dos caminhos mais bacanas da cidade. A rota inclui a praça ALEXANDER PLATZ. Via UNTER DERN LINDEN, o PORTÃO DE BRANDEMBURGO, o REICHSTAG (Parlamento alemão, que com a reunificação do país, ganhou uma belíssima cúpula ultra moderna em aço e vidro projetada pelo inglês NORMAN FOSTER para substituir a destruída pela guerra. (Veja matéria completa aqui).Berlin_14Berlin destaqueBerlin_29

Visitar a COLUNA DA VITÓRIA, na Antiga Berlim Oriental, parando no coração da Berlim Ocidental, na ESTAÇÃO ZOOLOGISCHER GARTEN. Na hora de voltar, tome o ônibus 200, que faz um percurso parecido, mas passa na PHILHARMONIE (a casa dos concertos, sede da Filarmônica de Berlim), na POTSDAMER PRENZLAUER BERG.berlin_16

*MONUMENTO AOS SOLDADOS SOVIÉTICOS Na ex-Berlim Oriental, fica este monumento aos soldados do Exército Vermelho mortos na Batalha de Berlim(1945).Berlin_31Berlin_30

*Subir na FERNSEHTURM, a torre de TV da ALEXANDER PLATZ, em um dia de céu limpo para ver a cidade do alto. O restaurante giratório do topo da construção faz uma volta completa a cada 45 minutos.berlin_41Berlin_27

A poucos metros dali, fica o Museu MEMORIAL DO HOLOCAUSTO, aberto 24 horas. Projetado pelo arquiteto PETER EISENMAN, é o memorial mais comovente e austero para as vitimas do regime nazista. No coração da cidade, é impactante ao nascer ou ao pôr do sol. Berlin_06

*TIERGARTEN Antiga área de caça da realeza, o Tiergarten tornou-se parque no século XVIII. No século seguinte, surgiu uma série de edifícios na Potsdamer Platz, na maioria bancos e magazines, muitos dos quais foram destruídos na Segunda Guerra. A partilha de Berlim mudou o caráter do local. A área do Tiergarten ficou do lado ocidental do Muro e depois reconquistou a glória com a criação do Kulturforum e do Hasaviertel. A região em torno da Potsdamer Platz ficou em Berlim Oriental e virou terreno baldio.  Berlin_76

*BAUHAUS ARCHIVE Projetado por Walter Gropius, este museu abriga documentos que contam a trajetória da mais influente escola de arquitetura, design e arte do século xx. www.bauhaus.deBerlin_18

*Visitar o MUSEU PERGAMON, na MUSEUMSINSEL (Ilha dos museus) e ver um dos museus mais espetaculares do mundo, sua construção levou cerca de 20 anos para ser concluída. Maravilhas da antiguidade, como o lendário PORTAL DE ISHTAR, uma relíquia do Império Babilônico, alem do colossal ALTAR PERGAMON. E não deixe de ver a NEFERTITI no Neue Museum.Berlin_21berlin_64Berlin_22Berlin_23Berlin_33

*BERLINER DOM Com uma impressionante cúpula de 98m de altura e muito danificada na Segunda Guerra Mundial, a Catedral foi restaurada com uma forma simplificada e merece ser visitada.Berlin_24berlin_71Berlin_25Berlin_70

*CHARLOTTENBURG Bairro que ocupa grande parte da região ocidental da cidade, seria como o Upper East Side de Berlim. Com grande residências e algumas lojas bem legais.Berlin_57

*Dar um pulo no PALACIO SANSSOUCI, na cidade de POTSDAM. Uma espécie de Versailles alemã. Veja matéria completa aqui.Berlin_17

*Seguir os rastros do MURO DE BERLIM. O CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO do Muro de Berlim fica na BERNAUERSTRASSE. Na EAST SIDE GALLERY, em FRIEDRICHSHAIN, o muro virou uma galeria a céu aberto, com 1,3 mil metros de murais feitos por artistas do mundo todo. Destaque para a icônica imagem do artista russo DIMITRI VRUBEL, Beijo Fraternal.Berlin_10

O CHECK POINT CHARLIE , o posto de controle do setor americano após Segunda Guerra, é um museu privado, que conta a separação da cidade. FRIEDRICHSTRASSE 43-45. Não deixe de visitar o museu.Berlin_02Berlin_03

*TOPOGRAPHIE DES TERRORS Enfoque nos crimes da SS e da política nazista e a Berlim de 1933-45. Entre a propaganda e o Terror, sobre a capital do Terceiro Reich, a A História do Local, um passeio pelas ruínas dos prédios e por trechos do Muro de Berlim.Berlin_60Berlin_63berlin_62

*JUDISCHES MUSEUM BERLIN O Museu judaico, projetado por Daniel Libeskind, arquiteto judeu polonês radicado nos EUA, é um exemplo fascinante e imaginativo da arquitetura do final do século XX. A planta, a forma e a disposição interna e externa do prédio fazem parte de um programa filosófico complexo para ilustrar a história e a cultura da comunidade judaica na Alemanha e suas repercussões no Holocausto.A exposição reúne fotos, muitos objetos, livros, para trazer à luz as lembranças e as histórias vividas pelos judeus. As galerias, longas e estreitas, com piso inclinado e curvas em ziguezague acentuado, servem para dar a sensação de perda e deslocamento. Elas estão intercaladas por “vazios”, que representam o vácuo deixado pela destruição na vida dos judeus.Berlin_75

*MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA na estação de trem desativada HAMBURGER BAHNHOF. A coleção tem estrelas da arte contemporânea como Andy Warhol, Anish Kapoor, Basquiat e muito mais.Berlin_59

*Para os aficcionados em tecnologia, fica na região de POTSDAMER, o SONY CENTER www.sonycenter.de , sede européia da Sony e centro modernoso que reúne restaurantes, cinemas, o FILM HAUS (Museu de filmes, com exibições sobre a história do cinema alemão) e o LEGOLAND DISCOVERY CENTRE, são 3.500m com 14 atrações feitas em Lego e uma super loja.Berlin_07

*ALUGUEL DE BICICLETA www.fattirebiketours.com/berlinBerlin_13

*VELOTÁXI Vc pode fazer um passeio mais confortável nestes veículos que te buscam no hotel e passam uma manhã com você. Ver com o concierge do seu hotel.Berlin_28

Em Berlin me hospedei no lendário ADLON, veja a review completa aqui.

Veja também a excelente GASTRONOMIA da cidade aqui.

Boas COMPRAS na cidade clique aqui.

Se quiser um super guia para te acompanhar veja aqui a minha super indicação.Berlin_19

Fotos Flavia Pires, todos os direitos reservados.

Explore também:

Traduza